Sábado, 12 de Fevereiro de 2005

Deita-te

montote


Deita-te, deita-te na mesa fria de granito, podes gritar á vontade!

Nem uma alma te vai ouvir! há tua roda só tens penumbra e teias de aranha!

Os grandes e desbostatos resposteiros tapam ligeiramente o frio que entra pelas frinchas das portas de madeira corroídas!

Não, não te vais mexer estás amarado, tão indefeso como um porco para a matança, com uma diferênça, Eu não te vou matar vou saborear-te!

Estás nú! O teu pénis normalmente hirto e desasiador está pequeninho e engelhado como o de um bebé, te garanto que não é do frio, é medo!

É Terror!

Tapo-te os olhos, pois é odeias ficar sem ver... ficacas "castrado" coloco-te uma massa feita de cravinho da indidia junto ás narinas, que pena, lá se foi o olfato!

E a audição, a audição meu amigo, essa vais quase desejar perde-la!

Cubro-te o corpo com uma materia quente viscosa, e lvou meter a minha língua onde eu muito bem quero!

Hummmm, está bem apertado, o que o medo não faz!, mas a minha língua é forte e eu muito persistente.

Toco-te os as mãos ao de leve e sem mais nem menos cravo-te as unhas e rasgo-te o peito!

Não vais, morrer, está descançado...

Uns fios de sangue escorrem em direcçao ao teu pénis!

Que por sinal já não está tão medroso, mas o que ele quer eu não lho vou dar!

Vou esperar que se junte mais que a quantidade de seiva seja maior, pois uma Mulher precisa de se alimentar!

Uma porta abre, sentes o frio e sentes mais mãos, é isso são mais Fêmeas esfaimadas, mas nelas mando eu!

Só Eu te bebo, só eu te mato, tu ficas ai a ouvir e a imaginar o que se passa!

Calculo que tenhas uma boa imaginação, todos os Homens têm quando se fala em amor lesbico!!

Estou deitada num monte de panos de veludos e sedas de cor carmim e azul noite com laivos de malva, entre centenas de almofadas!

E elas estão por toda mim penteiam-me os cabelos, metem-me os dedos e as língua como só Mulher sabe fazer!

Anda aqui um um tolo que me penetra por detrás, mas sómente para dar cor e para te animar a audição, pois enquando ele pensa que eu gozo por ele, eu gozo é com a língua e os dedos delas!

Que bom, não resestiste e vieste-te!!!

Chego-me a ti e bebo-te, chupo-te, ponho os meus dedos na minha vagina e meto-tos na tua boca!

ahhhh morder não vale!!

publicado por Cicuta às 10:11
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Fazer-te_Vir a 2 de Abril de 2005 às 00:03
GOSTO DESTE TEU BLOG E GOSTO DE TI ASSIM, NÃO ÉS FRIA, ÉS INTENSA E ÉS TU MESMA = QUE SÃO COISAS MUITO DIFERENTES = QUE BATON USAS?


De Miss Luxuria a 18 de Fevereiro de 2005 às 21:18
Huiii vou sair daqui em brasa... mas prontos dp trato disso lol sabe tão bem "amarralos" assim... humm


De Amante... a 18 de Fevereiro de 2005 às 19:10
Das duas, uma... Ou Me atiro de cabeça, ou fujo a sete pés... O que mais adora e me excita no Teu Blog é que não há meio termo... Um beijo quente no Teu seio esquerdo...


Comentar post

*mais sobre mim

*pesquisar

 

*tradutor / tranlater

*posts recentes

* A noite

* Depois dos 50...

* A melodia do desejo…

* Lingerie para Sereias & n...

* Asfixia

* Oração das Mulheres Resol...

* Eternos

* O Primeiro Amor

* Voltar a trás...

* Sonhos?!

*arquivos

* Agosto 2013

* Maio 2011

* Abril 2011

* Agosto 2010

* Julho 2008

* Junho 2008

* Maio 2008

* Abril 2006

* Março 2006

* Fevereiro 2006

* Janeiro 2006

* Dezembro 2005

* Novembro 2005

* Outubro 2005

* Setembro 2005

* Agosto 2005

* Julho 2005

* Junho 2005

* Maio 2005

* Abril 2005

* Março 2005

* Fevereiro 2005

*tags

* todas as tags

*favoritos

* nem cornos, nem sacanas

*links

* Martini in the Morning

*Envenenados:


Contador Grátis

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.
blogs SAPO

*subscrever feeds